GERAL
Typography

 

A vida é feita de ciclos, e toda vez que um se fecha, outro é iniciado.Na Sicredi Pampa Gaúcho,nesse mês de fevereiro, iniciou-se o ciclo de Henrique Camargo de Assis a frente da diretoria Executiva da Cooperativaem substituição ao colega Leandro Gindri de Lima. Sua história no Sicredi teve início em 2002, na Sicredi Vale do Jaguari, em Santiago. Veio para a Sicredi Pampa Gaúcho, antiga Sudoeste, em 2006, e em 2007 assumiu a gerência da agência de Alegrete, de onde saiu em 2017 para a Superintendência Regional, quando assumiu a Gerência Regional de Desenvolvimento.

O novo Executivo da Pampa Gaúcho é graduado em Ciências Contábeis, pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões, campus Santiago–RS, e pós-graduado em Gestão de Negócios com Ênfase em Vendas e Relacionamento, pela ESPM.          

A sucessão aconteceu de acordo com a Política de Sucessão do Sicredi, que estabelece as diretrizes para o processo, visando à continuidade, o crescimento sustentável e o sucesso do negócio, com etapas de seleção, avaliação, retenção, treinamento e eleição.

Já o ciclo do Leandro que se encerra, teve início em 1997, na Sicredi Vale do Jaguari. No ano de 2005, veio para a Pampa Gaúcho e em 2008, para a Superintendência Regional, em Alegrete, quando passou a contribuir de forma efetiva, incentivando e ampliando os investimentos no desenvolvimento das pessoas. Anualmente, a Cooperativa investe consideravelmente na capacitação de seus colaboradores. O resultado desse trabalho, que foi reforçado nos últimos quatro anos, favoreceu a troca e a transferência de pessoas entre as agências e até mesmo entre as cooperativas do Sistema Sicredi.

Na Sicredi Pampa Gaúcho, sob a gestão de Leandro, o desenvolvimento das pessoas também contribuiu para que as oportunidades internas e externas, proporcionassem a movimentação dos colaboradores, com Programas de Desenvolvimento de Talentos e Capacitação de Gestores, por exemplo.

Um grande legado desse ciclo do Leandro, que alimentará o ciclo do Henrique, é a valorização das pessoas, com o desenvolvimento delas, que proporciona a geração de renda e de negócios e, consequentemente, o desenvolvimento da região, garantindo a melhoria da qualidade de vida dos associados e da sociedade.

Essa consciência de que a carreira profissional é responsabilidade também da pessoa e, agregando ao grande investimento que a Pampa Gaúcho faz nos colaboradores, pode ter sido fundamental para que a Central tenha enxergado em um dos nossos diretores, um potencial para contribuir ainda mais com o Sistema Sicredi, a partir deste mês, quando Leandro Gindri de Lima começa sua condução na diretoria executiva da Central Sicredi Sul/Sudeste,que reúne 43 cooperativas e 695 pontos de atendimento: 592 no Rio Grande do Sul, 99 em Santa Catarina e quatro em Minas Gerais.

Ganhamos todos: a Pampa Gaúcho, a Central Sicredi Sul/ Sudeste, o Sistema Sicredi e os 4 milhões de associados do Sicredi que acreditam no cooperativismo como uma forma simples e eficaz de crescimento coletivo e desenvolvimento nacional, com atuação regional.

JEF 2250

CURTA NOSSO FACE!!

FIQUE INFORMADO,RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DIRETO NO SEU E-MAIL:
Google+