GERAL
Typography

 

 

Um advogado, de 26 anos, morreu em um acidente de trânsito na RSC-287, na tarde desta segunda-feira, em Santa Maria. O caso aconteceu por volta das 16h30min, próximo ao entroncamento com a VRS-804, no acesso para Silveira Martins. A vítima foi identificada como Vagner Pedron.

Conforme informações do Batalhão Rodoviário da Brigada Militar (BM), Pedron estava sozinho em um Peugeot 308 e dirigia em direção a Santa Maria. Ele teria tentado desviar de um carro branco que estava parado no acostamento para entrar na localidade de Vila Fighera, quando colidiu de frente contra um caminhão, que estava no sentido contrário. Chovia na hora do acidente.

Pedron não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O motorista do carro do qual ele tentou desviar fugiu e, até o momento, não foi encontrado pela polícia. Já o condutor do caminhão não se feriu. 

O trânsito no local está em uma pista e, por volta das 19h20min, havia congestionamento de mais de um quilômetro. Equipes do Batalhão Rodoviário estão no trecho para a retirada dos veículos. 

NOTA DE PESAR
Na noite desta segunda-feira, em sua página no Facebook, a Faculdade de Direito de Santa Maria (Fadisma), publicou uma nota lamentando a morte de Pedron, ex-aluno da instituição:

"É com profundo e imenso pesar que comunicamos o falecimento de Vagner Pedron, ex-aluno do curso de Direito da FADISMA, que nos deixou na tarde desta segunda-feira (27). Em nome da Direção da FADISMA, de professores, funcionários e colegas, manifestamos as mais sinceras condolências a toda família e amigos por essa grande e irreparável perda.

Natural de Cacequi/RS, Vagner deixou uma marca no coração de cada pessoa que com ele pode conviver. Querido entre colegas e professores, destacou-se rapidamente como líder e aluno exemplar. Engajado, motivado e responsável, participou de incontáveis projetos, além de atuar na organização de diversos eventos institucionais. Foi presidente do Diretório Acadêmico do curso de Direito da FADISMA (gestão Unejuris) durante o ano de 2017, cuja gestão foi marcada pelo diálogo, pela responsabilidade e pelo comprometimento.

Graduou-se na metade de 2018. Logo, passou atuar no escritório de advocacia Dias, Mass, Corrêa e Perobelli Sociedade de Advogados, onde trabalhava até então. Sua partida pega a todos de surpresa. A lembrança que também fica é a de um jovem com vontade de viver, de crescer e de fazer o bem. Deixa para trás o legado de um verdadeiro líder que foi: empático, compassivo e, acima de tudo, humano".

ADVOGADOCACEQUIENSE

CURTA NOSSO FACE!!

FIQUE INFORMADO,RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DIRETO NO SEU E-MAIL:
Google+