GERAL
Typography

 

MATA FILHA

Um crime ocorrido na madrugada da última  terça-feira(03/02) chocou os moradores de Bagé. Uma mãe matou asfixiada a filha de 5 anos e tentou ocultar o corpo em matagal próximo de casa. Em depoimento à polícia, Michele Silva Rodrigues confessou e alegou ter cometido o assassinato porque a menina “atrapalhava” o relacionamento dela com o companheiro, padrasto da vítima.

Interrogada pela polícia, Michele confessou ter asfixiado Mirella com um saco plástico e uma bermuda, que foram encontrados em um contêiner de lixo próximo do local. Depois, jogou o corpo da criança no mato.

– Ela disse que a criança era hiperativa, não a respeitava e atrapalhava o relacionamento dela com o companheiro. Ela considerava a menina um estorvo na vida dela – afirmou o delegado Luis Eduardo Sandim Benites.

Segundo a polícia, tanto Michele quanto o companheiro tem antecedentes por pequenos furtos, mas não indícios de que os dois tenham sido parceiros no crime. A mãe teve a prisão preventiva decretada e foi recolhida ao Presídio Regional de Bagé.

Embora estivesse residindo em Bagé a vítima foi velada e sepultada em Cacequi  (onde residem familiares)  na manhã desta quarta feira(04/02).

CURTA NOSSO FACE!!

FIQUE INFORMADO,RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DIRETO NO SEU E-MAIL:
Google+